quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Arranque do ano letivo

À medida que o tempo avança a passos largos, bastante largos, para o fim do dia 15 de Setembro de 2016, a escola parece adquirir uma vida diferente.
Há sons que parecem já se adivinharem e estarem presentes, muito embora os corredores permaneçam semi -vazios.
Neles consegue-se ouvir os passos, as conversas todas misturadas que contam  as aventuras estivais, assim como os risos e gargalhadas, que entre amigos, se contagiam, pressagiando o facto de já não as partilharem desde julho.
            À medida que nos aproximamos do bar e do refeitório, o som dos talheres e de alguns pratos e copos que se partem todos os dias, já ecoam nos nossos ouvidos, assim como os cânticos de parabéns a alguém.
            Mas é na Biblioteca que mais profundamente sentimos, o chegar de um novo ano letivo.
            Em muito breve, sentiremos que silêncio dos livros colocados nas estantes vão ser remexidos, dando lugar ao som do folhear das páginas e páginas que ocultam todos os segredos que cada livro guarda.


            As cadeiras farão o seu habitual desorganizado “arrastar” por toda a zona multimédia. E na zona de leitura informal, as páginas dos jornais diários e das revistas serão objeto de manuseamento compulsivo, revirando-se e dando lugar a discussões sobre os assuntos do dia.
            Falta pouco, muito pouco para que na sua entrada as mochilas preencham o chão, sobretudo na hora de almoço, dando cor ao acinzentado e pálido chão agora vazio.
            E enquanto a chuva cai, deixamos que a nossa mente se encha de ideias para todas as actividades que iremos realizar ao longo do ano lectivo: todas as parcerias, os projetos, os concursos, as exposições e trabalho colaborativo.
            É sobretudo no trabalho colaborativo, que possa permitir mais apoio ao aluno e aos docentes, que pomos mais empenho, com o objetivo de criar condições para que se trabalhem as competências literácicas, sobretudo nos domínios da Leitura, Informação e Média.
Para o promoção destas competências a BE não olha a esforços para que todos consigam obter o nível de excelência que a todos (comunidade educativa) apraz e diferencia dos demais.
            Aos quase 2280 alunos do Agrupamento, especialmente aos que nele chegam pela primeira vez (Pré escolar; 1º ano; 5º ano; 10º ano e todos os alunos transferidos dos vários níveis de ensino), a Biblioteca Escolar dá as boas vindas sem deixar de reiterar que existe, tal como é, dinâmica, proactiva e aberta, porque existem alunos, encarregados de educação e uma comunidade educativa que nos faz querer ser cada vez melhores.
            Um excelente ano letivo 2016- 2017 a todos. E que o trabalho, o rigor, a educação, a delicadeza e a excelência continue a fazer deste Agrupamento, e deste serviço em especial, a família que somos.


Orgulhosamente Soares Basto

As professoras bibliotecárias


Sem comentários:

Enviar um comentário